PTEN (Soon)
     

A história da Torres & Ferraz começa antes de ter começado. Sedeada em Gondomar, no Norte de Portugal, a empresa Manuel Torres e Ferraz Lda. é constituída em 1992, mas os seus fundadores e responsáveis – Bebiana e Manuel Ferraz – conheciam e operavam no sector da criação, fabrico e comercialização de joias desde meados da década de 1980. A ourivesaria é um legado familiar: pais e avós trabalhavam já o ouro e a prata, e a transmissão do ofício, dos seus métodos e segredos, fez-se desde cedo – vagarosamente, como vagarosamente se lavra um metal nobre como a prata.

Inicialmente confinada ao Porto e aos distritos limítrofes, a Torres & Ferraz inicia em 1993 – ano em que participa, pela primeira vez, na feira internacional PortoJóia – um processo de implantação nacional, hoje plenamente consolidado, criando uma rede de clientes que abrange todo o território nacional (continente e ilhas). Ao longo da década de 1990, a original dimensão familiar do negócio evolui para uma organização mais ampla e estruturada, acompanhando o crescimento de atividade da empresa. A Torres & Ferraz mantém, contudo, uma escala humana que lhe permite construir relacionamentos de efetiva proximidade e confiança com clientes e parceiros.

Em 2012, fazendo uso da experiência acumulada dos seus responsáveis e equipa, a Torres & Ferraz lança as suas primeiras coleções próprias, ao mesmo tempo que promove a renovação da sua imagem de marca. Um recomeço que não apaga o passado, antes lhe faz justiça. Simbolicamente, a primeira coleção da Torres & Ferraz, lançada num momento em que celebra 20 anos de existência, inspira-se na História de Portugal, ao recriar figuras e ícones de monumentos românicos que nos transportam à remota génese da nacionalidade. Um passado obscuro que se faz luminoso presente nas jóias Torres & Ferraz.